Notícias e Releases

Navegação de categorias

Publicador de Conteúdos e Mídias

angle-left Ponsse reduz pegada de carbono mundial
Voltar para

Ponsse reduz pegada de carbono mundial

O Índice medido pela LCA Consulting caiu em 42% na comparação das emissões geradas entre 2019 e 2020.

A Ponsse reduziu em 42% a sua pegada de carbono em 2020, segundo dados da consultoria contratada pela empresa. Essa redução, baseada nas emissões de todas as unidades da empresa no mundo, está diretamente relacionada ao propósito da companhia, que consiste em oferecer soluções sustentáveis para o benefício de nossos clientes e meio ambiente.

Realizado pela LCA Consulting, o levantamento dos gases de efeito estufa emitidos durante as operações escopos 1 e 2, quando se analisa tanto as emissões que a empresa gera, quanto às emissões geradas pela produção de energia utilizada para suas operações, para os anos de 2019 e 2020.

Essa redução significativa refere-se, principalmente, pela adoção de fontes de energia renováveis na fábrica. Na Europa, o consumidor pode escolher se quer comprar energia hidrelétrica - menos poluente -, ou termelétrica que é mais poluente, por exemplo. Aqui no Brasil, entre as práticas adotadas pela Ponsse estão as boas práticas com relação ao uso de energia e consumo consciente de combustíveis em seus veículos.

Esse trabalho de consultoria vai nortear o Roteiro de Neutralidade de Carbono que a companhia já está elaborando. "Nosso objetivo é alcançar a neutralidade de emissões e várias diretrizes estão sendo criadas a respeito. No futuro, poderemos até criar soluções com zero emissão de carbono ou que contribuam para a meta de neutralidade de carbono de nossos clientes", disse Fernando Campos, Diretor da Ponsse Latin América.

São 3 fases: medir o que a empresa impacta, posteriormente definir ações para reduzir até neutralizar as emissões e por fim evoluir para gerar um impacto positivo. É um processo de longa duração. Alguns países estão mais engajados que outros para fazer isso acontecer e por isso a evolução das ações será diferenciada em cada uma das unidades da empresa.           

A nível de produto, a engenharia dos equipamentos Ponsse também é pensada para gerar o menor impacto ao meio ambiente, desde o balanceamento correto para melhor distribuição de forças e consequentemente menor compactação do solo por onde a máquina trafega, motores mais modernos e menos poluentes, até a tecnologia que permite produtividade e menos emissões de gases de efeito estufa. Com relação às peças e componentes que fazem parte dos equipamentos, buscamos sempre ampliar a vida útil para gerar menos resíduos possível em um certo período de tempo.

"Nossas ações começam na fábrica e seguem para nossos clientes. Por meio de treinamentos especializados, os operadores são capacitados para o melhor aproveitamento possível do equipamento que está operando, visando produtividade e economia de combustíveis e óleos, que culminam em menos emissões de poluentes. Além disso, a tecnologia embarcada nas máquinas antecipa e automatiza movimentos, o que também contribui para aumentar a eficiência energética que tanto falamos", finalizou Fernando.  

 

Mais informações:

Mariana Rudek

Assessora de Comunicação

mariana@santacom.com.br